31 de agosto de 2016

EVANGELHO DO DIA

4ª-feira da 22ª Semana Tempo Comum

Evangelho - Lc 4,38-44


Eu devo anunciar a Boa Nova do Reino de Deus
também a outras cidades,
porque para isso é que eu fui enviado.
+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Lucas 4,38-44
Naquele tempo: 
38Jesus saiu da sinagoga e entrou na casa de Simão. 
A sogra de Simão estava sofrendo com febre alta, 
e pediram a Jesus em favor dela. 
39Inclinando-se sobre ela, Jesus ameaçou a febre, 
e a febre a deixou. 
Imediatamente, ela se levantou e começou a servi-los. 
40Ao pôr do sol, todos os que tinham doentes 
atingidos por diversos males, 
os levaram a Jesus. 
Jesus colocava as mãos em cada um deles e os curava. 
41De muitas pessoas também saíam demônios, 
gritando: 'Tu és o Filho de Deus.' 
Jesus os ameaçava, e não os deixava falar, 
porque sabiam que ele era o Messias. 
42Ao raiar do dia, Jesus saiu, 
e foi para um lugar deserto. 
As multidões o procuravam e, indo até ele, 
tentavam impedi-lo que os deixasse. 
43Mas Jesus disse: 
'Eu devo anunciar a Boa Nova do Reino de Deus 
também a outras cidades, 
porque para isso é que eu fui enviado.' 
44E pregava nas sinagogas da Judéia. 
Palavra da Salvação. 

30 de agosto de 2016

EVANGELHO DO DIA

3ª-feira da 22ª Semana Tempo Comum

Evangelho - Lc 4,31-37


Eu sei quem tu és: tu és o Santo de Deus!
+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Lucas 4,31-37
Naquele tempo: 
31Jesus desceu a Cafarnaum, cidade da Galiléia, 
e aí ensinava-os aos sábados. 
32As pessoas ficavam admiradas com o seu ensinamento, 
porque Jesus falava com autoridade. 
33Na sinagoga, havia um homem 
possuído pelo espírito de um demônio impuro, 
que gritou em alta voz: 
34'O que queres de nós, Jesus Nazareno? 
Vieste para nos destruir? 
Eu sei quem tu és: tu és o Santo de Deus!' 
35Jesus o ameaçou, dizendo: 
'Cala-te, e sai dele!' 
Então o demônio lançou o homem no chão, 
saiu dele, e não lhe fez mal nenhum. 
36O espanto se apossou de todos 
e eles comentavam entre si: 
'Que palavra é essa? 
Ele manda nos espíritos impuros, com autoridade e poder, 
e eles saem.' 
37E a fama de Jesus se espalhava 
em todos os lugares da redondeza. 
Palavra da Salvação. 

29 de agosto de 2016

EVANGELHO DO DIA

Martírio de São João Batista . Memória

Evangelho - Mc 6,17-29


Quero que me dês agora, num prato,
a cabeça de João Batista.

+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Marcos 6,17-29

Naquele tempo,17Herodes tinha mandado prender João,e colocá-lo acorrentado na prisão.Fez isso por causa de Herodíades,mulher do seu irmão Filipe,com quem se tinha casado.18João dizia a Herodes:"Não te é permitido ficar com a mulher do teu irmão".19Por isso Herodíades o odiavae queria matá-lo, mas não podia.20Com efeito, Herodes tinha medo de João,pois sabia que ele era justo e santo,e por isso o protegia.Gostava de ouvi-lo,embora ficasse embaraçado quando o escutava.21Finalmente, chegou o dia oportuno.Era o aniversário de Herodes,e ele fez um grande banquete para os grandes da corte,os oficiais e os cidadãos importantes da Galiléia.22A filha de Herodíades entrou e dançou,agradando a Herodes e seus convidados.Então o rei disse à moça:"Pede-me o que quiseres e eu to darei".23E lhe jurou dizendo:"Eu te darei qualquer coisa que me pedires,ainda que seja a metade do meu reino".24Ela saiu e perguntou à mãe:"O que vou pedir?"A mãe respondeu:"A cabeça de João Batista".25E, voltando depressa para junto do rei, pediu:"Quero que me dês agora, num prato,a cabeça de João Batista".26O rei ficou muito triste, mas não pôde recusar.Ele tinha feito o juramento diante dos convidados.27Imediatamente, o rei mandouque um soldado fosse buscar a cabeça de João.O soldado saiu, degolou-o na prisão,28trouxe a cabeça num prato e a deu à moça.Ela a entregou à sua mãe.29Ao saberem disso, os discípulos de João foram lá,levaram o cadáver e o sepultaram.Palavra da Salvação.

28 de agosto de 2016

EVANGELHO DO DIA

22º DOMINGO Tempo Comum

Evangelho - Lc 14,1.7-14


Quem se eleva, será humilhado e
quem se humilha, será elevado.
+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Lucas 14,1.7-14
1Aconteceu que, num dia de sábado,Jesus foi comer na casa de um dos chefes dos fariseus.E eles o observavam.7Jesus notou como os convidadosescolhiam os primeiros lugares.Então contou-lhes uma parábola:8'Quando tu fores convidado para uma festa de casamento,não ocupes o primeiro lugar.Pode ser que tenha sido convidadoalguém mais importante do que tu,9e o dono da casa, que convidou os dois,venha te dizer: 'Dá o lugar a ele'.Então tu ficarás envergonhadoe irás ocupar o último lugar.10Mas, quando tu fores convidado,vai sentar-te no último lugar.Assim, quando chegar quem te convidou,te dirá: 'Amigo, vem mais para cima'.E isto vai ser uma honra para tidiante de todos os convidados.11Porque quem se eleva, será humilhadoe quem se humilha, será elevado.'12E disse também a quem o tinha convidado:'Quando tu deres um almoço ou um jantar,não convides teus amigos, nem teus irmãos,nem teus parentes, nem teus vizinhos ricos.Pois estes poderiam também convidar-tee isto já seria a tua recompensa.13Pelo contrário, quando deres uma festa,convida os pobres, os aleijados, os coxos, os cegos.14Então tu serás feliz!Porque eles não te podem retribuir.Tu receberás a recompensa na ressurreição dos justos.'Palavra da Salvação.

27 de agosto de 2016

EVANGELHO DO DIA

Sábado da 20ª Semana Tempo Comum

Evangelho - Mt 23,1-12


Eles falam mas não praticam.
+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Mateus 23,1-12
Naquele tempo:1Jesus falou às multidões e a seus discípulos:2'Os mestres da Lei e os fariseustêm autoridade para interpretar a Lei de Moisés.3Por isso,deveis fazer e observar tudo o que eles dizem.Mas não imiteis suas ações!Pois eles falam e não praticam.4Amarram pesados fardose os colocam nos ombros dos outros,mas eles mesmos não estão dispostos a movê-los,nem sequer com um dedo.5Fazem todas as suas açõessó para serem vistos pelos outros.Eles usam faixas largas, com trechos da Escritura,na testa e nos braços,e põem na roupa longas franjas.6Gostam de lugar de honra nos banquetese dos primeiros lugares nas sinagogas;7Gostam de ser cumprimentados nas praças públicase de serem chamados de Mestre.8Quanto a vós, nunca vos deixeis chamar de Mestre,pois um só é vosso Mestre e todos vós sois irmãos.9Na terra, não chameis a ninguém de pai,pois um só é vosso Pai, aquele que está nos céus.10Não deixeis que vos chamem de guias,pois um só é o vosso Guia, Cristo.11Pelo contrário, o maior dentre vósdeve ser aquele que vos serve.12Quem se exaltar será humilhado,e quem se humilhar será exaltado.'Palavra da Salvação.

26 de agosto de 2016

EVANGELHO DO DIA

6ª-feira da 21ª Semana Tempo Comum

Evangelho - Mt 25,1-13


O noivo está chegando. Ide ao seu encontro.
+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Mateus 25,1-13
Naquele tempo,disse Jesus, a seus discípulos, esta parábola:1'O Reino dos Céus é como a história das dez jovensque pegaram suas lâmpadas de óleoe saíram ao encontro do noivo.2Cinco delas eram imprevidentes,e as outras cinco eram previdentes.3As imprevidentes pegaram as suas lâmpadas,mas não levaram óleo consigo.4As previdentes, porém, levaram vasilhas com óleojunto com as lâmpadas.5O noivo estava demorandoe todas elas acabaram cochilando e dormindo.6No meio da noite, ouviu-se um grito:`O noivo está chegando. Ide ao seu encontro!'7Então as dez jovens se levantarame prepararam as lâmpadas.8As imprevidentes disseram às previdentes:`Dai-nos um pouco de óleo,porque nossas lâmpadas estão se apagando.'9As previdentes responderam:`De modo nenhum,porque o óleo pode ser insuficientepara nós e para vós.É melhor irdes comprar aos vendedores'.10Enquanto elas foram comprar óleo, o noivo chegou,e as que estavam preparadasentraram com ele para a festa de casamento.E a porta se fechou.11Por fim, chegaram também as outras jovens e disseram:`Senhor! Senhor! Abre-nos a porta!'12Ele, porém, respondeu:`Em verdade eu vos digo: Não vos conheço!'13Portanto, ficai vigiando,pois não sabeis qual será o dia, nem a hora.Palavra da Salvação.

25 de agosto de 2016

EVANGELHO DO DIA

5ª-feira da 21ª Semana Tempo Comum

Evangelho - Mt 24,42-51


Ficai preparados!
+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Mateus 24,42-51
Naquele tempo disse Jesus aos seus discípulos: 
42Ficai atentos! 
porque não sabeis em que dia virá o Senhor. 
43Compreendei bem isso: 
se o dono da casa soubesse a que horas viria o ladrão, 
certamente vigiaria e não deixaria 
que a sua casa fosse arrombada. 
44Por isso, também vós ficai preparados! 
Porque na hora em que menos pensais, 
o Filho do Homem virá. 
45Qual é o empregado fiel e prudente, 
que o senhor colocou como responsável pelos demais empregados, 
para lhes dar alimento na hora certa? 
46Feliz o empregado, 
cujo senhor o encontrar agindo assim, quando voltar. 
47Em verdade vos digo, 
ele lhe confiará a administração de todos os seus bens. 
48Mas, se o empregado mau pensar: 
'Meu senhor está demorando', 
49e começar a bater nos companheiros, 
a comer e a beber com os bêbados; 
50então o senhor desse empregado 
virá no dia em que ele não espera, 
e na hora que ele não sabe. 
51Ele o partirá ao meio e lhe imporá a sorte dos hipócritas. 
Ali haverá choro e ranger de dentes. 
Palavra da Salvação. 

24 de agosto de 2016

EVANGELHO DO DIA

São Bartolomeu, Apóstolo . Festa

Evangelho - Jo 1,45-51

Aí vem um israelita de verdade,
um homem sem falsidade.

+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo João 1,45-51

45Filipe encontrou-se com Natanael e lhe disse:"Encontramos aquele de quem Moisés escreveu na Lei,e também os profetas:Jesus de Nazaré, o filho de José".46Natanael disse:"De Nazaré pode sair coisa boa?"Filipe respondeu: "Vem ver!"47Jesus viu Natanael que vinha para ele e comentou:"Aí vem um israelita de verdade,um homem sem falsidade".48Natanael perguntou: "De onde me conheces?"Jesus respondeu:"Antes que Filipe te chamasse,enquanto estavas debaixo da figueira,eu te vi".49Natanael respondeu:"Rabi, tu és o Filho de Deus,tu és o Rei de Israel".50Jesus disse: "Tu crês porque te disse:Eu te vi debaixo da figueira?Coisas maiores que esta verás!"51E Jesus continuou: "Em verdade, em verdade, eu vos digo:Vereis o céu aberto e os anjos de Deus subindo e descendosobre o Filho do Homem".Palavra da Salvaçào.

23 de agosto de 2016

EVANGELHO DO DIA

Evangelho - Mt 13,44-46

Vende todos os seus bens e compra aquele campo.
+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Mateus 13,44-46
Naquele tempo, disse Jesus à multidão: 
44'O Reino dos Céus é como um tesouro escondido no campo. 
Um homem o encontra e o mantém escondido. 
Cheio de alegria, ele vai, vende todos os seus bens 
e compra aquele campo. 
45O Reino dos Céus também é como um comprador 
que procura pérolas preciosas. 
46Quando encontra uma pérola de grande valor, 
ele vai, vende todos os seus bens 
e compra aquela pérola. 
Palavra da Salvação.

21 de agosto de 2016

MISSA DO DOMINGO - PARÓQUIA SANTUÁRIO DE SANT'ANA

Missa da Assunção de Nossa Senhora celebrada na Paróquia Santuário de Sant'Ana pelo Padre Josino Raimundo. Responsável pela Liturgia, Pastoral da Juventude. 
(Fotos :Shileide /PASCOM ).






18 de agosto de 2016

MISSA EM AÇÃO DE GRAÇAS - ANIVERSÁRIO DO TERÇO DAS MULHERES

Neste dia 17/08 foi celebrada uma Missa em Ação de Graças pelo aniversário de 3 anos, do Terço das Mulheres, do Bairro Santa Luzia. Celebrante : Padre Wagner Antônio. ( Fotos : Ana Luiza ).


















13 de agosto de 2016

ANIVERSÁRIO DA PARÓQUIA SANTUÁRIO DE SANT'ANA - 195 ANOS

13 DE AGOSTO, ANIVERSÁRIO DE 195  DA PARÓQUIA SANTUÁRIO DE SANT'ANA 

FOTO : ARQUIVO PASCOM- FESTA DE SANT'ANA 2016.

A Paróquia de Senhora Sant’Ana foi criada em 13 de agosto de 1821, por um decreto do Imperador Dom Pedro I, desmembrando-a, assim, da Paróquia de São João Batista, de Açu.
Em 1826, José Virgílio Borba fez doação de uma parte de terra para patrimônio da Matriz. Em 1907, os limites da Paróquia foram alterados por  Dom Adauto e, em 1912, D. Joaquim põe os limites da Paróquia em igualdade com os civis.
 Foi a décima primeira paróquia a ser criada no Rio Grande do Norte, quando ainda era, do Imperador, a determinação de criar uma paróquia. Na época, o Rio Grande do Norte era ligado à Arquidiocese de Olinda e Recife.
O Padre Lúcio Gambarra (1907 a 1915) foi o responsável pela construção da maior parte da Matriz. Ele conseguiu que viesse dos Estados Unidos, por intermédio do Coronel Cascudo, um forro de zinco esmaltado e em relevo, de linda padronagem, que hoje cobre todo o teto interior da Igreja.
A devoção a Senhora Sant’Ana é um traço marcante na história da Paróquia. Essa devoção tem sua expressão máxima na veneração filial à padroeira da cidade.
            Segundo a tradição oral, tudo começou com a chegada de um português de nome  Manoel José de Matos, vindo de Pernambuco, comprador de animais para negócio. Viajando pelos Sertões chegou a um lugar conhecido como Fazenda Bom Bocadinho, localizada ao pé da Serra de Santana. Adoecendo gravemente e em período de seca no sertão, Manoel de Matos, fez uma promessa a Sant’Ana, para, no caso de restabelecer-se e poder viajar, vir comprar aquele Sítio  e erguer uma capela para Senhora Sant’Ana. Assim aconteceu e Manoel José de Matos cumpriu fielmente o voto, a capela foi construída no século XIX.
          O primeiro pároco foi Pe. João Teotônio de Souza e Silva que além de pároco foi à primeira figura política da cidade.
         A Paróquia de Santana abrange, atualmente, os municípios de Santana do Matos e Bodó com uma área de 1.674 km, com 66 comunidades e é administrada pelo Pe. Josino Raimundo da Silva. 
        Por ocasião do Ano Jubilar Extraordinário da Misericórdia instituído pelo Papa Francisco, no dia 13 de janeiro de 2016, foi aberta uma Porta Santa na Paróquia de Senhora Sant'Ana, em virtude de ser uma das Paróquias mais antiga da Região Central . Na porta, foram esculpidos os brasões do Vaticano, da Arquidiocese de Natal, da Paróquia de Sant’Ana, além do símbolo do Ano da Misericórdia.
         No dia 26 de julho de 2016, por um decreto do Arcebispo Metropolitano, Dom Jaime Viera Rocha, a Matriz de Sant’Ana foi elevada à Paróquia Santuário de Senhora Sant’Ana.