28 de fevereiro de 2015

ENCONTROS DA CAMPANHA DA FRATERNIDADE 2015

PASTORAIS E MOVIMENTOS CONTINUAM REALIZANDO ENCONTROS DA CAMPANHA DA FRATERNIDADE -2015

OS ENCONTROS ESTÃO SENDO REALIZADOS EM TODOS OS SETORES MISSIONÁRIOS DA CIDADE E COMUNIDADES.











ORDENAÇÃO PRESBITERAL DO DIÁCONO WAGNER

CONVITE


 A Paroquia de Senhora Sant'Ana tem a alegria de convidar todos os seus paroquianos á participarem da Celebração Eucarística de ordenação presbiteral do Diácono Wagner Antônio Martins, a realizar-se-a no dia 05 de março, ás 18:00 h, na Catedral de Nossa Senhora da Apresentação/Natal/RN. Os interessados em participar, deverão procurar a Secretaria Paroquial, na pessoa de Regiane Guedes.

LITURGIA DIÁRIA

1ª Leitura - Dt 26, 16-19

28/02- Missa na Matriz ás 9:00 hs
Tu serás um povo consagrado ao Senhor, teu Deus.
Leitura do Livro do Deuteronômio 26, 16-19

Moisés dirigiu a palavra ao povo de Israel e lhe disse: 16Hoje, o Senhor teu Deus te manda cumprir esses preceitos e decretos.Guarda-os e observa-os com todo o teu coração e com toda a tua alma..17Tu escolheste hoje o Senhor para ser o teu Deus,para seguires os seus caminhos,e guardares seus preceitos, mandamentos e decretos,e para obedeceres à sua voz. 18E o Senhor te escolheu, hoje, para que sejas para ele um povo particular, como te prometeu,a fim de observares todos os seus mandamentos. 19Assim ele te fará ilustre entre todas as nações que criou, e te tornará superior em honra e glória,a fim de que sejas o povo santo do Senhor teu Deus,como ele disse'.
Palavra do Senhor.

Salmo - Sl 118, 1-2. 4-5. 7-8 (R. 1b)

R. Feliz é quem na lei do Senhor Deus vai progredindo!

1Feliz o homem sem pecado em seu caminho, *que na lei do Senhor Deus vai progredindo! 2Feliz o homem que observa seus preceitos, *e de todo o coração procura a Deus!R. 

4Os vossos mandamentos vós nos destes, *para serem fielmente observados.
5Oxalá seja bem firme a minha vida *em cumprir vossa vontade e vossa lei!R. 
7Quero louvar-vos com sincero coração, *pois aprendi as vossas justas decisões. 8Quero guardar vossa vontade e vossa lei; *Senhor, não me deixeis desamparado!R.

Evangelho - Mt 5,43-48

Sede perfeitos como o vosso Pai celeste é perfeito.
+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Mateus 5,43-48

Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos: 43Vós ouvistes o que foi dito:
'Amarás o teu próximo e odiarás o teu inimigo!'44Eu, porém, vos digo: Amai os vossos inimigos e rezai por aqueles que vos perseguem! 45Assim, vos tornareis filhos do vosso Pai que está nos céus, porque ele faz nascer o sol sobre maus e bons, e faz cair a chuva sobre justos e injustos. 46Porque, se amais somente aqueles que vos amam, que recompensa tereis?Os cobradores de impostos não fazem a mesma coisa? 47E se saudais somente os vossos irmãos,o que fazeis de extraordinário? Os pagãos não fazem a mesma coisa?48Portanto, sede perfeitos
como o vosso Pai celeste é perfeito.'
Palavra da Salvação.

PREPARAÇÃO PARA A PRIMEIRA EUCARISTIA

Hoje, 28/02-Retorno dos Encontros da Catequese


 
A Pastoral Catequética comunica a todas as crianças que participam dos encontros em preparação para a Primeira Eucaristia, que hoje haverá encontro ás 16:00h.

São Romano

O SANTO DO DIA
São Romano
390-463

28 de Fevereiro 


Nascido no ano 390, o monge Romano era discípulo de um dos primeiros mosteiros do Ocidente, o de Ainay, próximo a Lion, na França. No século IV, quando nascia a vida monástica no Ocidente, com o intuito de propiciar elementos para a perfeição espiritual assim como para a evolução do progresso, ele se tornou um dos primeiro monges franceses. 
Romano achava as regras do mosteiro muito brandas. Então, com apenas uma Bíblia, o que para ele era o indispensável para viver, sumiu por entre os montes desertos dos arredores da cidade. Ele só foi localizado por seu irmão Lupicino, depois de alguns anos. Romano tinha se tornado um monge completamente solitário e vivia naquelas montanhas que fazem a fronteira da França com a Suíça. Aceitou o irmão como seu aluno e seguidor, apesar de possuírem temperamentos opostos.
A eles se juntaram muitos outros que desejavam ser eremitas. Por isso teve de fundar dois mosteiros masculinos, um em Condat e outro em Lancome. Depois construiu um de clausura, feminino, em Beaume, no qual Romano colocou como abadessa sua irmã. Os três ficaram sob as mesmas e severas regras disciplinares, como Romano achava que seria correto para a vida das comunidades monásticas. Romano e Lupicino se dividiam entre os dois mosteiros masculinos na orientação espiritual, enquanto no mosteiro de Beaume, Romano mantinha contato com a abadessa sua irmã, orientando-a pessoalmente na vida espiritual. 
Consta nos registros da Igreja que, durante uma viagem de Romano ao túmulo de São Maurício, em Genebra, ele e um discípulo que o acompanhava, depois também venerado pela Igreja, chamado Pelade, tiveram de ficar hospedados numa choupana onde havia dois leprosos. Romano os abraçou, solidarizou-se com eles e, na manhã seguinte, os dois estavam curados. 
A tradição, que a Igreja mantém, nos narra que este foi apenas o começo de uma viagem cheia de prodígios e milagres. Depois, voltando dessa peregrinação, Romano viveu recluso, na cela de seu mosteiro e se reencontrou na ansiada solidão. Assim ele morreu, antes de seu irmão e irmã, aos 73 anos de idade, no dia 28 de fevereiro de 463.
O culto de São Romano propagou-se velozmente na França, Suíça, Bélgica, Itália, enfim por toda a Europa. As graças e prodígios que ocorreram por sua intercessão são numerosos e continuam a ocorrer, segundo os fieis que mantêm sua devoção ainda muito viva, nos nossos dias.

27 de fevereiro de 2015

Nota de falecimento




Faleceu na manhã de hoje, em Natal, o fundador da capela de Frei Galvão em Santana do Matos, Clidenor Bezerra.
O Sr. Clidenor Bezerra de Medeiros, santanense, criado no sítio Jardim, faleceu hoje, às 09:10h, no hospital Natal Center, em Natal, aos 88 anos de idade. Católico devoto de Frei Galvão, 1º santo brasileiro, seu Clidenor teve a ideia de construir uma capela para o mesmo e levou a ideia ao Padre Josino. Logo, seu Clidenor comprou um terreno no bairro Alto da Boa Vista e com recursos próprios iniciou os trabalhos de construção. Depois foram chegando alguns amigos de boa vontade e cada um dando sua colaboração de acordo com suas condições, mas ele mesmo com dificuldades e retirando do seu salário manteve os trabalhos até o fim. A imagem de Frei Galvão foi adquirida em Pernambuco, mede 1,50m de altura. A inauguração aconteceu dia 25 de outubro de 2010.
O velório teve início hoje, a partir das 18h, na capela de São José e o seu sepultamento será neste sábado, dia 28/02, as 16h, no cemitério Morada da Paz em Natal.

São Porfírio de Gaza

O SANTO DO DIA

Porfírio teve muitos fatos prodigiosos em sua vida que começou em Tessalônica, na Grécia, onde nasceu no ano 347. Ele já era formado nas ciências quando, aos trinta e um anos, decidiu viver no deserto de Scete, no Egito onde se tornou um eremita e ficou por cinco anos. Depois visitou os lugares santos de Jerusalém e se estabeleceu às margens do rio Jordão, por outros cinco anos. Nessa ocasião conheceu o discípulo Marcos e se juntou à ele na evangelização. Mas a caverna onde residia era tão insalubre que Porfírio ficou muito doente, tendo que voltar a Jerusalém. 

Recebeu então a notícia da morte dos pais, de quem tinha grande herança para receber. Mas, ele decidiu continuar pobre e mandou que todos os bens fossem divididos entre os pobres de sua terra natal. Depois, Porfírio teve um desmaio em Jerusalém e, de repente, viu-se frente a frente com Cristo crucificado, tendo ao seu lado o bom ladrão, Dimas. Jesus mandou que este levantasse Porfírio do chão, depois desceu Ele mesmo da cruz e deu-a ao santo, ordenando-lhe que cuidasse dela. Ao voltar do desmaio, Porfírio estava curado. A ordem recebida na visão foi aplicada por João, bispo de Jerusalém, que nomeou Porfírio como “guarda do santo lenho”.

As notícias sobre as graças e prodígios que aconteciam com ele se espalharam e os sacerdotes de Gaza, após a morte do bispo, pediram que Porfírio assumisse o posto. A sua modéstia o impedia de aceitar, mas tantos foram os pedidos e a insistente atuação dos pagãos idólatras era tão intensa na cidade, que ele acabou concordando. Existia em Gaza um grande templo para adoração das divindades pagãs. Os infiéis, sabendo da decisão de Porfírio de combatê-los, planejaram matá-lo. Entretanto, o bispo acabou vencendo todos os inimigos pela fé. 

Uma seca violenta assolou a região e os agricultores, desesperados, faziam muitos sacrifícios nesse templo, pedindo chuva aos deuses pagãos. Nenhuma gota de água caía do céu. Porfírio ordenou então, um dia de jejum. Depois comandou uma procissão de penitência à uma capela situada na periferia da cidade. Mal terminou a procissão, a chuva começou a cair, abençoada e insistente. A partir daí, a maioria dos pagãos passou a se converter. 

Porém, sobraram ainda alguns poucos pagãos para tramar a morte do bispo Porfírio. Aconteceu, porem, que o imperador também passou a ficar contra os pagãos e o bispo conseguiu autorização para derrubar o templo pagão que estava instalado na diocese de Gaza. Ficou na cidade apenas uma última estátua pagã, a da deusa Vênus. Certo dia, o bispo colocou-se diante dela e a estátua desmoronou sozinha, formando dezenas de pedaços. Era o que faltava para que mais pagãos se convertessem. 

A fama de santidade acompanhou o bispo Porfírio até sua morte, em 26 de fevereiro 420, aos setenta e três anos de idade, quando, depois dos vinte e cinco anos de episcopado, quase não havia pagãos na sua querida diocese de Gaza.

Fonte: paulinas.org.br

LITURGIA DIÁRIA

1ª Leitura - Ez 18,21-28

Linda foto de Jesus com Mensagem
Será que eu tenho prazer na morte do ímpio? 
Não desejo, antes, que mude de conduta e viva?
Leitura da Profecia de Ezequiel 18,21-28
Assim fala o Senhor:
21Se o ímpio se arrepender de todos os pecados cometidos, e guardar todas as minhas leis,e praticar o direito e a justiça,viverá com certeza e não morrerá.
22Nenhum dos pecados que cometeu será lembrado contra ele.Viverá por causa da justiça que praticou. 23Será que eu tenho prazer na morte do ímpio?- oráculo do Senhor Deus. Não desejo, antes, que mude de conduta e viva?24Mas, se o justo se desviar de sua justiça e praticar o mal, imitando todas as práticas detestáveis feitas pelo ímpio,poderá fazer isso e viver? Da justiça que ele praticou, nada mais será lembrado. Por causa da infidelidade e do pecado que cometeu, por causa disso morrerá. 25Mas vós andais dizendo: 'A conduta do Senhor não é correta`. Ouvi, vós da casa de Israel: É a minha conduta que não é correta, ou antes é a vossa conduta que não é correta? 26Quando um justo se desvia da justiça,pratica o mal e morre, é por causa do mal praticado que ele morre. 27Quando um ímpio se arrepende da maldade que praticou
e observa o direito e a justiça,conserva a própria vida. 28Arrependendo-se de todos os seus pecados,com certeza viverá;não morrerá.
Palavra do Senhor.

Salmo - Sl 129, 1-2. 3-4. 5-6. 7-8 (R. 3)

R. Se levardes em conta nossas faltas,
quem haverá de subsistir?

1Das profundezas eu clamo a vós, Senhor,* 2escutai a minha voz!Vossos ouvidos estejam bem atentos*ao clamor da minha prece!R. 
3Se levardes em conta nossas faltas,*quem haverá de subsistir?4Mas em vós se encontra o perdão,*eu vos temo e em vós espero.R. 
5No Senhor ponho a minha esperança,*espero em sua palavra. 6A minh'alma espera no Senhor*mais que o vigia pela aurora.R. 
7Espere Israel pelo Senhor,*pois no Senhor se encontra toda graça e copiosa redenção.8Ele vem libertar a Israel*de toda a sua culpa.R.

Evangelho - Mt 5,20-26

Vai primeiro reconciliar-te com o teu irmão.
+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Mateus 5,20-26
Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos:
20Se a vossa justiça não for maior que a justiça dos mestres da Lei e dos fariseus,vós não entrareis no Reino dos Céus. 21Vósouvistes o que foi dito aos antigos: 'Não matarás! Quem matar será condenado pelo tribunal'. 22Eu, porém, vos digo: todo aquele que se encoleriza com seu irmão será réu em juízo;
quem disser ao seu irmão: 'patife!' será condenado pelo tribunal;quem chamar o irmão de 'tolo'será condenado ao fogo do inferno. 23Portanto, quando tu estiveres levando a tua oferta para o altar, e ali te lembrares que teu irmão tem alguma coisa contra ti, 24deixa a tua oferta ali diante do altar, e vai primeiro reconciliar-te com o teu irmão.Só então vai apresentar a tua oferta. 25Procura reconciliar-te com teu adversário,enquanto caminha contigo para o tribunal.Senão o adversário te entregará ao juiz,o juiz te entregará ao oficial de justiça,e tu serás jogado na prisão. 26Em verdade eu te digo: dali não sairás,
enquanto não pagares o último centavo.
Palavra da Salvação.

OBRAS DE CONSTRUÇÃO DE SACRISTIA NA CAPELA DE SANTA TEREZA

Sob a Administração do Padre Josino Raimundo da Silva e com a ajuda da comunidade local, Paróquia realiza construção de Sacristia na Capela do Distrito de Santa Tereza. 







Encontros da Campanha da Fraternidade

Patorais e Movimentos realizam vários Enc. da Campanha da Fraternidade -2015

Programação para o dia: 27/02/2015-hoje.



Responsáveis: Pastoral do Dízimo, Pastoral da Catequese e Mãe Rainha.
Local: Residência de Cleide Moura Barbosa (mulher do Gago).
Rua: Alecrim.
Horário: 19h.

Responsáveis: Mãe Rainha e Mãos Ensanguentadas de Jesus .
Local: Residência de Raimunda Elias de Macedo.
Rua: José Leão Ferreira.
Horário: 19h.

Responsáveis: Terço das Mulheres, Pastoral do Batismo, Mãe Rainha .
Local: Residência de dona Necy.
Rua: José William de Macedo. 
Horário: 19h.

Responsáveis: Pastoral da Sobriedade e ECC.
Local: Residência de Francisca das Chagas.
Rua: Petronilo Dantas. 
Horário: 19h.

Responsáveis: Pastoral da Juventude.
Local: Residência de dona Maria do Carmo de Medeiros(Carminha). 
Rua: Avenida 27 de Outubro. 
Horário: 19h.


26 de fevereiro de 2015

QUINTA-FEIRA DE ADORAÇÃO AO SANTÍSSIMO SACRAMENTO

26/02 - Paróquia de Senhora Sant'Ana, ás 19:30 hs


Hoje é quinta-feira dia por excelência de adoração, estaremos adorando a Jesus no Santíssimo Sacramento. Você é esperado por Deus. Venha participar e fortalecer sua fé.

Pastorais e Movimentos realizam Encontros da Campanha da Fraternidade-2015


Terço dos Homens e Pastoral Familiar, realizam encontros da Campanha da Fraternidade-2015







LITURGIA DIÁRIA

Evangelho - Mt 7,7-12

jesus
Todo aquele que pede, recebe.
+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Mateus 7,7-12
Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos  :7Pedi e vos será dado! Procurai e achareis!Batei e a porta vos será aberta!8Pois todo aquele que pede, recebe;quem procura, encontra;e a quem bate, a porta será aberta.9Quem de vós dá ao filho uma pedra,quando ele pede um pão?10Ou lhe dá uma cobra, quando ele pede um peixe?11Ora, se vós, que sois maus,sabeis dar coisas boas a vossos filhos,quanto mais vosso Pai que está nos céusdará coisas boas aos que lhe pedirem!12Tudo quanto quereis que os outros vos façam,fazei também a eles.Nisto consiste a Lei e os Profetas.

Palavra da Salvação.

1ª Leitura - Est 4,17

Não tenho outro defensor fora de ti, Senhor.
Leitura do Livro de Ester 4,17
Naqueles dias:17nA rainha Ester,temendo o perigo de morte que se aproximava,buscou refúgio no Senhor.17pProstrou-se por terradesde a manhã até ao anoitecer,juntamente com suas servas, e disse:17q'Deus de Abraão, Deus de Isaac e Deus de Jacó,tu és bendito.Vem em meu socorro, pois estou sóe não tenho outro defensor fora de ti, Senhor,17rpois eu mesma me expus ao perigo.17 Senhor, eu ouvi, dos livros de meus antepassados,que tu libertas, Senhor, até ao fim,todos os que te são caros.17 Agora, pois, ajuda-me, a mim que estou sozinhae não tenho mais ninguém senão a ti, Senhor meu Deus.17 Vem, pois, em auxílio de minha orfandade.Põe em meus lábios um discurso atraente,quando eu estiver diante do leão,e muda o seu coração para que odeie aquele que nos ataca,para que este pereça com todos os seus cúmplices.17 E livra-nos da mão de nossos inimigos.Transforma nosso luto em alegriae nossas dores em bem-estar'.
Palavra do Senhor.

Salmo - Sl 137, 1-2a. 2bc-3. 7c-8 (R. 3a)

R. Naquele dia em que gritei,
vós me escutastes, ó Senhor!.


1Ó Senhor, de coração eu vos dou graças,*porque ouvistes as palavras dos meus lábios!Perante os vossos anjos vou cantar-vos*2ae ante o vosso templo vou prostrar-me.R. 

2bEu agradeço vosso amor, vossa verdade,*2cporque fizestes muito mais que prometestes;3naquele dia em que gritei, vós me escutastes*e aumentastes o vigor da minha alma.R. 




7cestendereis o vosso braço em meu auxílio*e havereis de me salvar com vossa destra.8Completai em mim a obra começada;*ó Senhor, vossa bondade é para sempre!Eu vos peço: não deixeis inacabada*esta obra que fizeram vossas mãos!R.